Artigos

Estilizando o PROMPT da console (com uso de cores)

30/10/2004

(*) Artigo veiculado em Dicas-L do dia 03/11/2004

Para quem gosta de trabalhar com a console (modo texto) em ambiente Unix e utiliza a shell BASH talvez essa dica seja de interesse. O BASH permite que aparência do prompt seja personalizada "a gosto do cliente". E isso é feito através da váriavel de ambiente PS1. Experimente, por exemplo, informar o seguinte comando:

  PS1=[teste]:

Isso irá imediatamente alterar a aparência do prompt. Para mantê-lo assim todas as vezes que logar, basta definir essa variável apropriadamente em alguns do arquivos de inicialização (.profile, .bashrc, .bash_profile).

Existem alguns meta-caracteres que permitem que certas informações sejam apresentadas no prompt, veja a seguir a relação deles extraida de "man bash".

Eu costumo fazer com que meu prompt mostre as horas e o diretório que estou localizado atualmente. Gosto também de usar cores para deixá-lo mais chamativo. Faço isso usando o meta-caracter \nnn, com os seguinte valor para especificar que estarei trabalhando com códigos ANSI - coisa que utilizava muito quando mantinha um BBS.

    \033[<bg-color>;<fg-color>m

Sendo <bg-color>:

    40   -> preta
    41   -> vermelha
    42   -> verde
    43   -> marrom
    44   -> azul
    45   -> mangenta
    46   -> ciana
    47   -> cinza

e <fg-color>:

    30   -> preta
    31   -> vermelha
    32   -> verde
    33   -> marrom
    34   -> azul
    35   -> magenta
    36   -> ciana
    37   -> cinza

A título de exemplo, experimente a seguinte combinação:

   PS1=\033[47;30m[\033[47;31mDebian\033[47;30m] \t\033[0m\n\u@\h:\W\$

Segue uma referÊncia completa sobre os valores possíveis.

    \a     an ASCII bell character (07)
    \d     the  date  in  "Weekday  Month  Date" format (e.g., "Tue May 26")
    \e     an ASCII escape character (033)
    \h     the hostname up to the first `.'
    \H     the hostname
    \j     the number of jobs currently managed by  the shell
    \l     the  basename of the shell's terminal device name
    \n     newline
    \r     carriage return
    \s     the name of the shell, the basename of $0
           (the portion following the final slash)
    \t     the current time in 24-hour HH:MM:SS format
    \T     the current time in 12-hour HH:MM:SS format
    \@     the current time in 12-hour am/pm format
    \A     the current time in 24-hour HH:MM format
    \u     the username of the current user
    \v     the version of bash (e.g., 2.00)
    \V     the  release  of  bash, version + patchelvel (e.g., 2.00.0)
    \w     the current working directory
    \W     the basename of the current  working  directory
    \!     the history number of this command
    \#     the command number of this command
    \$     if  the effective UID is 0, a #, otherwise a $
    \nnn   the character corresponding to the octal number nnn
    \\     a backslash
    \[     begin a sequence of non-printing characters,
           which could be used to embed a terminal con­
           trol sequence into the prompt
    \]     end a sequence of non-printing characters